4 pilares para a Inteligência Emocional


Não precisas de saber a história da Inteligência Emocional, não necessitas estudar os avanços científicos nesta área, não precisas fixar todos os nomes dos autores das pesquisas científicas, não precisas entender o funcionamento do cérebro. E também não precisas de talento para desenvolver a tua inteligência emocional.


- Então do que precisas para trabalhar as emoções e o entendimento que tens sobre elas?

PRECISAS DE 4 COISAS:

1 - Precisas de força de vontade. De querer dar um passo mais além na expansão da mente e na forma com impactas o mundo. É um apelo interno que dá pelo nome de motivação.

2 - Precisas de curiosidade. Para procurar, ler, experimentar, ver o que funciona e alimentar o conhecimento sobre ti próprio/a, que é o garante da autoconsciência. Ser um indivíduo aberto ao mundo e às mudanças.

3 - Precisas de humildade. Para ter sempre espaço para receber informação que desconheces e aproveitares a que já te é familiar para ter novas ideias tuas. Com humildade não dirás facilmente o «Já Sei».

4 - Precisas de flexibilidade e agilidade para mudares de contextos e de experiências. À medida que descobres informação sobre ti, tendes a fazer escolhas diferentes e isso vai direccionar-te a afastares-te do conhecido e aproximares-te do desconhecido.


E voltamos ao início, para tudo isto e muito mais não precisas mesmo de ter talento algum especial. Não precisas de ser fora-de-série, cientista, doutorado/a, etc. Basta que saibas o que é inteligência emocional, o que implica, como se põe em prática e fazer uso disso. Verdade, verdade...


SÓ PRECISAS DE TI PRÓPRIO E DE TE INTERESSARES PELO TEU CRESCIMENTO

_____________________________________

Consulte os nossos programas de Liderança e Inteligência Emocional e de PNL&Coaching, direccionados às soluções e à flexibilidade emocional

#liderança #emoções #desenvolvimentopessoal #autoajuda #afectos #sentimentos

0 visualização

© 2013 by JD communication - Portugal - jd@jdias.org - 913254041