O solitário caminhante

August 24, 2017

Certa vez, um homem de sucesso decidiu tornar-se caminhante, deixando temporariamente tudo para trás. Deixou a gestão dos seu bens e da sua empresa às pessoas da sua confiança e à sua família e partiu rumo a parte incerta...

 

A parte incerta, sim, porque a questão não era a geografia, mas sim o encontro com a sua pessoa. Na sua mente levava uma frase que proferia para si frequentemente: «Sinto-me mal». A sua bagagem? Apenas uma sacola com alguns alimentos, água, produtos de higiene básica e roupa interior. E assim se pôs a caminho rumo a parte nenhuma, mas à procura de um sinal... Caminhou alguns dias, dormindo onde calhava ou aceitando que o acolhessem. Reconheciam-no como solitário «caminhante».

 

A solidão trouxe-lhe dúvidas. A solidão trouxe-lhe perguntas. A solidão trouxe-lhe uma sensação de tristeza profunda. A solidão trouxe-lhe outra dimensão da existência. A solidão trouxe-lhe respostas...

O cansaço mostrou-lhe sensações no corpo, o cansaço mostrou-lhe a dor, o cansaço mostrou-lhe a perseverança, o cansaço mostrou-lhe limites.

 

O cansaço e a solidão revelaram as respostas ao solitário caminhante: 

«Se me sinto mal é porque preciso de escolher uma nova forma de ver o mundo»

«Se me sinto mal é porque preciso de escolher uma ideia diferente de mim próprio»

 

E assim o solitário caminhante reflectiu, agora em consciência:

Agora posso regressar para viver o que não vivi até hoje. Com a minha família, com os meus amigos, com as pessoas da empresa. Tudo é perfeito. Tudo está certo.

_____________________________________

 

Nada poderá ser modificado fora que não tenha sido modificado primeiro dentro de cada um de nós. A resposta está sempre disponível, só tem de procurar, sempre também, no sítio certo. Dentro de si próprio. Quando houver algum ajustamento a fazer, deverá fazê-lo primeiro em si. Tenha a certeza de que a maior parte das pessoas não pratica a procura interior.

 

- Quando um corredor quer ganhar uma corrida, treina mais para correr mais, não vai mudar os outros, as regras ou as provas para poder ganhar;

- Quando o estudante quer ser brilhante, estuda e procura mais, não exige que baixem a fasquia da qualidade para que ele se sinta melhor. 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Featured Posts

O que pode e não pode

November 12, 2019

1/10
Please reload

Recent Posts

November 12, 2019

September 9, 2019

Please reload

Archive
Please reload